segunda-feira, 2 de março de 2015

Meu look - Camarote da Boa

Antes tarde do que nunca. O look que usei no Camarote da Boa no Carnaval no Rio foi superimprovisado, mas no fim eu amei! O modelo é um vestido de linho da Farm com recortes na barriga e costas que dá um charme incri pro vestidinho básico. Cortei o abadá semelhante ao vestido e deixei a manguinha (medo de ficar ruim sem ela kkkk). Isso tudo foi 15 minutos antes da van partir rumo à Sapucaí. E quer saber, adorei!

O vestido deixa só a parte magrinha da barriga à mostra, é sensaaaa! Vontade de comprar as outras cores disponíveis na loja. Pra aguentar a noite toda (pós-desfile, aliás), optei por um saltão grosso Youcom (adorei essa loja, o sapato foi presente deles!).

Já o camarote, foi incrível, claro. Supertrabalhei caçando celebs pra instagramar, enquanto meu namorado tentava me ajudar: "Amor, olha ali o Dunga. E o apresentador do Esporte Espetacular. Que tal a Daiane dos Santos?" hahahaha fofo! Ele adorou, foi a primeira vez que foi comigo a um evento grande assim... 

E aí, o que acham? Louca pra usar o vestido "na vida real" sem o abadá!

Vestido FARM
Sandália YOUCOM
Bolsa Michael Kors


Bonde das bloggers Rainhas da Pantene + eu e Luiza, da Vogue. Sacanagem sair entre a Lala e a Pugli kkkk
E com o meu amor, o único que pode usar regata e não ficar cafonão... #maisoumenosné Aprendi gostar dele de regata, coisa que nunca havia acontecido antes

E o vestido! :)

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

#TratamentodeRainha - Desfile na Mangueira!




Nos 15 minutos de caminhada (na chuva!) do
 camarote até a concentração... e adeus cabelo deuso
O Carnaval 2015 foi surpreendente, incrível e inesquecível. Lembram-se que fiz um post de dicas de Carnaval no Rio de Janeiro (link aqui), dizendo que não viajaria, etc? Pois bem... Fui surpreendida dias depois com uma ligação da assessoria da Pantene me convidando pra desfilar na Estação Primeira de Mangueira, mais especificamente no carro da beleza cujo a marca estava patrocinando. 

Nem preciso dizer que amei, né? Sempre curti Carnaval, mas nunca tinha ido pra avenida nem assistir. Logo de cara estreei no carro alegórico, com fantasia glamourosa e com direito a camarote pós-desfile pra assistir as outras escolas.

Meu namorado foi comigo (ele também desfilou, mas no chão) e curtimos muito esse momento. Abaixo, segue o depoimento que dei pro site da Glamour (revistaglamour.com.br)! No fim tem mais fotinhos.

Look completo. A única foto que consegui tirar devido a correria :(
"Olha, pode ser clichê, mas é superreal: ninguém deve passar pela vida sem ter a experiência de desfilar numa escola de samba. Quando recebi o convite da Pantene, não imaginava que seria tão intenso, tão glamouroso, tão inesquecível.

A P&G estava patrocinando a Estação Primeira de Mangueira e por isso convidou 10 mulheres de desfilarem no carro alegórico da beleza. O samba-enredo homenageava a beleza da mulher brasileira - e o time não deixou por menos: Lalá Rudge, Camila Coutinho, Gabriela Pugliesi, Vic Ceridono, Lele Saddi, Marcella Fogaça, Jade Seba, Alice Salazar, Luiza Souza e eu, que sou repórter de comportamento da Glamour Brasil ;)

pantene (Foto: Divulgação)
Eu e Lele Saddi na preparação. Amei muito esse roupão!


O domingo do desfile foi inteiro de preparações. A beleza ficou por conta do Alê de Souza e sua equipe. As costureiras da Mangueira ficaram a nossa disposição pra provar, ajustar e dar os retoques finais nas fantasias. E a roupa era incrível!!! saia e top dourados - que mais pareciam um microvestido, com uma ombreira de plumas e muuuuuitos bordados + uma sandália gladiadora 'páh' da My Shoes, a cara do carnaval. O resultado foi de parar a avenida - não é por nada não, mas ficamos nos sentido Angels da Victoria´s Secret em plena Sapucaí!!! Toda a preparação aconteceu em uma das salas do hotel em que estávamos hospedadas - e claro que a trilha sonora foi o samba-enredo da Mangueira, pra gente já ir decorando... delícia!!! E foi assim que entramos na avenida com a letra na ponta da língua pra cantar, vibrar e acenar pro público. Infelizmente, São Pedro não colaborou e chegamos na avenida com muita chuva. O cabelo molhou (despencou tudo... hehehe), mas o make (graças a Deus!) ficou intacto. E quer saber? Quando o carro virou a curvinha da avenida, nem lembrava que estava chovendo. Muita gente usando a camisa da escola, cantando junto e mandando uma energia maravilhosa pra gente!

pantene (Foto: Divulgação)
Cantarolando no carro alegórico... Nem quero lembrar o começo do samba enredo pra ele não ficar na cabeça de novo kkk

Marcella Fogaça, cantora gata carioca convidada, e eu no carro

O mais importante: eu era uma pessoa comum em uma imensa multidão e me senti querida, reconhecida. Quem está assistindo ao desfile da plateia manda beijos, acena, faz coração e vibra em ver você ali. Eles se sentem representados. É emocionante olhar no rosto de cada um e sentir a energia e a gratidão por estarmos lá desfilando pra eles - ainda mais em uma escola tão amada como é a Mangueira. 

pantene (Foto: Divulgação)
O carro da beleza da Mangueira (não sei o que houve, mas parece que fui abduzida em todas as fotos kkk)

Gustavo e sua fantasia de parreira kkkkkk

E sim, passa muito rápido. O carro fica cerca de meia hora na avenida e quando acaba o desfile, temos que desocupar o lugar correndo pra escola não perder pontos. Quando você vê, já acabou. Não dá nem tempo de ficar nervosa. E na hora de sair, um medinho de descer naqueles guindastes gigantes.

Ao sair, muita gente lá embaixo pedia pra tirar fotos pra levar de recordação. Estava cansada e encharcada, mas pronta pra outra. Saia sambando sozinha nos corredores de tanta alegria! Pra fechar a noite, seguimos pro Camarote da Boa assistir aos demais desfiles da noite.

Esse ano não deu Mangueira (acabou de sair o resultado - e deu Beija-Flor....), mas estarei na torcida nos próximos anos por essa escola de samba linda que nos recebeu tão bem - e que agora mora no meu coração."

Por fim, as embaixadoras e duas jornalistas convidadas (Luiza, editora de beleza da Vogue e eu)

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Meu look - Baile da Vogue 2015

Este ano fui novamente ao Baile da Vogue pra cobrir tudo pro Insta da @glamourbrasil. Acompanharam a cobertura por lá? Meu Deus, é celeb atrás de celeb, muuuita correria pra registrar todo mundo, mas depois dá pra curtir o show e aproveitar a noite, que é sempre impecável.

A festa foi inspirada nos bailes de Veneza, com décor cheia de máscaras, luzes vermelhas e toques dourados. Entrei no clima e usei um vestido de franjas bordado com canutilhos e tule no peitoral incrível + sandália nude de tiras. Como o baile pede adereços, plumas e muito glamour, usei uma máscara preta com paetês e pedraria pretas, comprada super de última hora. Nem usei-a no rosto, e só na testa mesmo, como adereço de cabeça.

Achei o resultado legal. Estava trabalhando, então não podia ficas desconfortável ou incomodada com a roupa... E vocês, gostam?

O make fiz na #SephoraJK, com a Jennifer. Ela foi incrível no meu olho preto esfumado com toques de marrom... Fiquei inteira a noite toda, ufa! 


Make by Sephora e máscara (dá pra tirar a pluma, é de grampo)
Máscara: Caldeirão das Bruxas (comprei online)

No elevador, com clutch grande pra caber bateria extra, papéis, etc etc etc

Vestido Bo.Bô
Sandália Carmen Steffens


E as costas.. estou in love por esse vestido, socorro!!!!!!!!
Gostaram? Agora bora se preparar pro Carna... Pra onde vocês vão?!

XXXX

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Meu look - Flare + cropped


 Pensem num fim de semana tranquilo. Agora faz vezes dois! Hahaha e pra tanto sossego, até que me arrumei, viu? Usei esse look pra jantar e ir ao cinema com o namo... A flare, estilo Amapô, tá faz um bom tempo no closet, mas não tive muita oportunidade de sair por aí por conta do calor.

Aproveitei que esses dias estão mais fresquinhos e levei-a pra sair com um top cropped de renda (mais velho impossível, mas que adoro) + camisa na cintura + colar gypsy. Apesar de amar a calça, ela é perigosa. Não tenho quadrilzão nem bumbum grande, mas ela deixa essas partes bem ressaltadas. A camisa na cintura dá uma amenizada e me sinto mais confortável, inclusive por conta da barriguinha também.

Deem uma olhada:

Top Wet Seal
Calça Emme
Camisa Forever 21
Colar 25 de março
Bolsa Jorge Alex


Assistimos Loucas pra casar, com Ingrid Guimarães, Tatá Werneck e Suzana Pires "brigando" pelo amor de Marcio Garcia (que está um gato no filme!). Confesso que deu um pouco de preguiça, achei muito forçado... Alguém aí já viu?

E aí, gostam? Ai amo que meu prédio novo tem esse elevador mara, dá pra fazer look todo dia!
Boa semana e beijo

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Hot pants, monoquinis & biquinices

Não sei vocês, mas eu achei que depois dessa onda fitness por aí, as pessoas deixaram a timidez de lado e passaram a ser bem mais abusadas nos looks de praia. E nessa apareceram diversas modelagens ousadas e lindas de bíquinis, hot pants, bodies e monoquinis. Alguns são discretos, outros um pouco mais abusados... E têm sido vistos fora das areias também, em festas de dia e ocasiões mais cool.

Vamos ver modelitos, passarelas & vida real?
La Rouge Belle - lindo de viver, é pras de barriga chapada. Rola super com uma calça/shorts/saia. Mas sei não, prefiro na praia, no barco, no iate (ahhh é que faço isso com tanta frequência ¬¬ #sqn). Acho a combinação de bodies muy peligrosa. É fácil ficar cafona!


Adriana Degreas - Mesmo sendo meio "old", é democrático! Essa modelagem trançada na cintura deve esconder qualquer pneuzinho indesejável :P

Mumi - dá super pra usar o top com uma saia ou calça cintura alta pro dia a dia. Lindo! Pra dias nublados, é perfeito. Só falta chapéuzão e champagne. Cheers!


Jo de Mer - amei o top! Insira a mesma legenda do de cima aqui ;)

#biquinices: estou apaixonada pelos recortes, modelagens e detalhes diferentões que temos visto por aí. Pugli adora! E o corpo, vem junto, gente?

Lala magra Rudge e seu biquíni e maiô mais lindos da vida. Não sei se é La Rouge Belle. Se não for,
ela bem podia copiar né?

E na passarela -- tem alguns bem antiguinhos, mas olha que amor!

Cushnie et Ochs
Herve Leger
Herve Leger

Herve Leger
Jason Wu

Marc Valvo

Paco Rabanne
Mara Hoffman
Pra adaptar pra vida real, tem que ter cuidado. Como disse acima, é fácil de ficar cafona se combinado com demais peças e pode não valorizar seu corpo. Eu adoraria, mas já que não tenho a barriga dos sonhos e detesto marca gigante, fico apenas babando...

xxxxx Muah!